Ah, l'amour...


Diferentemente do conceito de amor platônico, quando se fala do amor em Platão estamos nos referindo ao pensamento deste filósofo sobre o amor. A noção de amor é central no pensamento platônico. Em seus diálogos, Sócrates dizia que o amor era a única coisa que ele podia entender e falar com conhecimento de causa.

Platão compara-o a uma caçada (comparação aplicada também ao ato de conhecer) e distinguia três tipos de amor: o amor terreno, do corpo; o amor da alma, celestial (que leva ao conhecimento e o produz); e outro que é a mistura dos dois. Em todo caso o amor, em Platão, é o desejo por algo que não se possui (que doido q era Platão, não?) .

A temática do amor é comum a quase todos os filósofos gregos, entendido como um princípio que governa a união dos elementos naturais e como princípio de relação entre os seres humanos. Depois de Platão, entretanto, só os platônicos e os neoplatônicos consideraram o amor um conceito fundamental.

E tirei isso da Wikipédia. Adoro filosofia e estava procurando algo novo para falar de amor. Só que no frigir dos ovos, amar é sempre aquela falta da pessoa, aquela vontade de ter por perto, aquela agonia desvairadinha para fazer e ter carinho...enfim..amar é acordar com um sorriso estampado, mesmo que você tenha montanha de trabalho como eu!

That's it folks!




3 Pode comentar aqui e surtar junto comigo!:

Insônia é uma coisa meio ridícula...


Qdo o clock bateu umas 20h, lá tava eu babando de sono. Mas fui complacente comigo mesma e disse: dormir as 20h? é ridiculo Adriana! Aí, fui ver Will & Grace. Aí, acabou o seriado...literalmente. Eu comprei a 5a temp e acabou de acabar. Ou seja, só amanha pra comprar a 6a. E desde a tarde qdo parei para pensar em algumas coisas, me vi reflexiva pra caramba. Um monte de assuntos pendentes na minha cabeça e um novíssimo em folha para me atormentar.

E no final das contas, qdo é a hora certa de falar algo importante? Eu sou meio de cara...n seguro nadica. Falo o que sinto, na hora q quero, quando acho que devo...será que funciona assim mesmo? N é melhor deixar , qdo tem alguma chuva meio grossa, a situação se acalmar e aí sim falar? Pois..pois..to pensando nisso agora...

Aliás, pra que serve a titica da insônia? Pra nada..ahhh, não..serve pra uma coisa...pra te deixar morta de sono no dia seguinte...e já é meia noite e treze...ou seja, com muito sono, HOJE!

1 Pode comentar aqui e surtar junto comigo!:

Coisas boas...


Caco...alguém aqui conhece o Caco? Quem é da minha época e assistia embevecida os Muppets? Caco e Miss Piggy são meus amores maiores de infância. Sim, mais que Trapalhões ou Jaspion. Essas lembranças me transportam para um momento de paz comigo mesma. Hoje acordei assim...saudosa de pessoas queridas, de tempos queridos... Nada de tristeza, apenas saudosismo.

E quando me pego assim, penso automaticamente nas coisas boas que me acontecem...uma delas é uma pessoa da Bahia...Sacam uma pessoa que FAZ A DIFERENÇA em sua vida? Pois essa criatura faz..seja rindo, seja de bico, seja brincando, seja falando sério, seja fazendo qualquer coisa que transmita carinho...Obrigada aos céus, sempre, pelo presente.

Outra coisa boa é a minha capacidade de esquecer coisas ruins e começar a pensar e ver as pessoas por outro ângulo. Ontem foi mais um dia que me vi com este posicionamento. Encontrei uma pessoa que há tempinho não queria nem ver. Ontem, por total descaso do destino, encontrei e pude ver e perceber que as coisas nem sempre podem ou devem dar certo do jeito que imaginamos e queremos. Que por vezes, você está ali para unir outras pessoas que, sem você talvez, não se conheceriam (e foi o que aconteceu). Então pude conversar com essa pessoa animadamente, sem neuras, sem estresse algum do passado. E pude constatar que a mágoa que existiu um dia, nem sequer sei por onde anda... E isso é o mais legal que consigo ver em mim: não carrego ódios, raivas, mágoas, dores por muito tempo. As crises se afastam e consigo ver de outra perspectiva tudo que rolou. Por erros cometidos, tantos meus quanto da outra pessoa, a gente acha que é o fim do mundo ou coisa parecida. E quando não é... E constatei isso também pelo presente dos céus que falei acima. Quando olho pra esse presente eu vejo e sinto que tudo pode mesmo ser diferente (parece bordão de final de ano da Globo, mas creiam, não é).

Por isso fica a dica: sofram, rumbora descer ao fundo do poço...quando as unhas não tiverem mais o quê cavar , é hora de voltar, se reestruturar e começar de novo da maneira mais leve que você possa fazê-lo. Claro que existem pessoas (até tenho estas na minha vida), que não tem condição alguma de conseguir fazer você relevar a mágoa e conversar serenamente. Isso não funciona assim. Tem dores que nos são causadas, de forma cruel e pesada. Para estas pessoas eu também não guardo mágoa, nem raiva...apenas não as quero perto de mim. Só isso...Então volto ao ponto que falei antes (e não houve contradição nisso) de que vale à pena matar a mágoa.

E me senti hiper bem com essa conversa que foi totalmente ocasional ontem. Me senti bem rindo com a pessoa e relembrando o jeito que ela sempre teve: alegre, descompromissado com grandes problemas. Isso me fez mega bem ontem! Por isso estou repartindo... e acreditando em Deus que tudo pode ser feito dessa forma sempre aqui dentro do meu coração..Ele é grande..não dá pra gastar lugar com mágoas ou coisas pelas quais tivemos que passar.

Ótimo feriado Kids! Inté

1 Pode comentar aqui e surtar junto comigo!: